windbyinternet portugues ingles frances espanhol alemao O Portal da Construção | O Portal Saúde | O Portal de Turismo | O Portal de Negócios | Luxos Online | Shopping Online | Shopping Lisboa | EasyPro

packs lojas Notícias

O PAPEL DOS DIRECTÓRIOS ONLINE NA SEGMENTAÇÃO DO MERCADO

2017-05-28
ONDE VENDER NA INTERNET - QUE FERRAMENTAS UTILIZAR

Capítulo 1 (3ª parte)

3- Os Directórios Online

Os Directórios Online são regra geral “Portais” que disponibilizam e concentram grande variedade de informações relevantes para os seus utilizadores, agregando notícias, conteúdos, legislação, directório de empresas, publicidade, anúncios e conselhos úteis.

Apesar serem das mais antigas ferramentas de comunicação existentes na Internet, adquiriram com o passar dos anos novas funcionalidades, e são actualmente muito mais do que as suas antecessoras “Listas telefónicas online”, avançando no sentido da especialização e segmentação temática de público, mercado e pesquisas.

A capacidade de evolução e adaptação dos Directórios ao ambiente web e às suas novas exigências, faz com que volvidos mais de 20 anos, esteja cada vez mais reforçado o seu papel determinante na estratégia de Marketing e Comunicação Digital dos empreendedores.

A informação que a Internet disponibiliza sobre os mais diversos assuntos é cada vez maior, no entanto, essa oferta de informação em quantidade nem sempre satisfaz o melhor ordenamento qualitativo para quem pesquisa, potenciando o papel de destaque dos Directórios Online, que através da sua especialização temática vêm segmentando e fidelizando público, concentrando num único “sítio online” informações importantes para determinados segmentos de utilizadores ou de pesquisas.

Se esta abundância de informação na Internet dificulta os seus utilizadores na pesquisa de informação, ela passa também a ser a maior dificuldade às pretensões do empreendedor que é ser encontrado nas pesquisas online.

Por exemplo, se vender pizzas em Lisboa, e o Google para esta pesquisa apresentar 483.000 resultados, entre anúncios pagos ao clik, mapas, imagens, vídeos, notícias, directórios, e websites, e se tiver em consideração que os utilizadores raramente passam da 3ª página das pesquisas, o empreendedor ao pensar o posicionamento que pretende para o seu negócio na Internet, conclui que para ser encontrado na Internet não basta ter um website, ou uma loja online, tornando-se necessário existir uma estratégia de Comunicação Digital.

O empreendedor ao registar o seu negócio em Directórios Online, tem a vantagem de com um relativo baixo investimento, e da pouca exigência no seu manuseamento, criar a uma boa oportunidade de divulgação para o seu negócio. Outra grande vantagem é que esses sites já possuem um grande volume de visitas, ou seja, seu produto irá aparecer para pessoas que não conhecem o empreendedor, mas procuram essa família de produtos ou serviços.

Para o empreendedor a opção de registar o seu negócio em Directórios Online. é uma boa solução para aumentar a visibilidade do seu negócio, no entanto a utilização desta ferramenta de Comunicação Online para ser perfeitamente eficaz, tem de estar em perfeita sintonia com as outras ferramentas de Comunicação Online, nomeadamente website, loja online e redes sociais.

COMO UTILIZAR OS DIRECTÓRIOS ONLINE NA ESTRATÉGIA DE COMUNICAÇÃO DIGITAL

O “primeiro passo” será escolher quais os Directórios Online onde o empreendedor deve colocar informação acerca do seu negócio. Será um erro pensar que só o facto de estar em vários Directórios Online resulte em grandes benefícios para o negócio, se na escolha não atender ao seu segmento de mercado, e se não privilegiar a uniformidade e sintonia da informação nas diversas ferramentas de Comunicação do empreendedor.

Para melhor entendimento da questão menciono o exemplo de um empreendedor que tem um restaurante com 50 lugares sentados, que vende pizzas e hamburguers, e tem o serviço de take-way e entregas ao domicilio , e só tem um registo num Directório Online generalista tipo lista telefónica. Este tipo de Directório Online não é o mais adequado ao segmento de negócio de turismo e restauração do empreendedor, pois um Directório Online generalista não segmenta público, pouco acrescentando ao objectivo do empreendedor que é aproximar-se do público que procura restaurantes, pizzas, hamburguers, serviço de take-way e entregas ao domicilio.

Em outro exemplo, o mesmo empreendedor, decide agora efectuar o registo em três Directórios Online do seu segmento de negócio, no primeiro aparece como restaurante, no segundo como pizzaria, e no terceiro como serviço take-away. Aqui o empreendedor apesar de ter efectuado a escolha correcta dos Directório Online observando o princípio dos segmentos de mercado, no entanto a sua comunicação continua errada, pois ao não respeitar o princípio da uniformidade e sintonia da informação, vai transmitir informações diferentes nos diversos Directórios, causando aos seus utilizadores dúvidas acerca de quais são os produtos e serviços que o empreendedor comercializa. O correcto seria o empreendedor ter utilizado a mesma informação em todos Directórios Online e restantes ferramentas de Comunicação, e a informação a transmitir seria: “restaurante com 50 lugares sentados, que vende pizzas e hamburguers, e tem o serviço de take-way e entregas ao domicilio”.

COMO ESCOLHER OS DIRECTÓRIOS ONLINE INDICADOS PARA CADA NEGÓCIO:

A) Directórios Online especializados e que se destinem ao seu segmento de mercado - É fundamental, o empreendedor estar onde os utilizadores pesquisam produtos e serviços relacionados com o seu mercado, ficando mais próximo do seu público-alvo, ganha notoriedade para os seus potenciais clientes.

B) Onde o registo de empresa possibilita transmitir a identidade e personalidade única do seu negócio. - Transmita a sua imagem de marca, para que seja facilmente identificado em relação aos seus concorrentes. Para além do logótipo utilize imagens e vídeos de campanhas que utiliza no website, loja online e redes sociais.

C) Que seja possível a colocação de informação suficientemente relevante acerca do seu negócio - Os utilizadores quando consultam um registo de uma empresa num directório esperam encontrar a quantidade de informação suficiente para avançarem para a acção pretendida: entrar em contacto com o empreendedor. Registos de empresa que têm pouca informação não comunicam, e como consequência não geram novas oportunidades de negócio.

D) Directórios Online onde as informações acerca do seu negócio sejam dinâmicas, podendo ser actualizadas - O negócio do empreendedor é dinâmico, logo a sua comunicação não pode ser estática. Todos os negócios têm períodos do ano em que determinados produtos ou serviços são mais procurados, ou a apresentação de novidades e promoções.

E) Procure Directórios Online que forneça um backoffice onde o empreendedor tenha a possibilidade de editar os conteúdos do seu registo, e publicar notícias da sua empresa . - O empreendedor ao publicar com alguma regularidade no Directório, transmite que o seu negócio está bastante activo, captando a atenção dos utilizadores aumenta as possibilidades de gerar novas oportunidades.

F) Que possibilitem ligação com links a website, loja e redes sociais. - O registo no Directório é só mais uma ferramenta na estratégia de Comunicação Digital do empreendedor, portanto de pouco serve actuar isoladamente dos restantes. Não se esqueça de que o objectivo do registo de empresa no Directório não é vender, mas sim transportar tráfego de utilizadores, nomeadamente para website, ou loja online.

G) Que permitam interacção directa com os utilizadores, através de formulários de pedidos de informação ou de orçamento. - Apesar do principal objectivo do registo de empresa ser transportar tráfego de utilizadores para o website ou loja online, com um registo atrativo e que comunique o essencial do seu negócio, uma parte dos utilizadores do Directório vai querer solicitar de imediato mais informações, abrindo-se novas oportunidades.

Após a selecção dos Directórios Online onde o empreendedor deve registar o seu negócio, segue-se o “segundo passo”, não menos importante:

QUE INFORMAÇÃO COLOCAR NO REGISTO , E COMO COLOCAR:

A) A regra principal será da uniformidade de comunicação com as restantes ferramentas de comunicação, digo website, loja online e redes sociais.- Toda a comunicação do negócio do empreendedor tem de ser consistente, e facilmente entendível. Determinada explicação ou informação de um produto ou serviço, repetida em termos semelhantes, familiariza o utilizador gerando maior credibilidade.

B) Coloque toda informação necessária para o seu produto ou serviço ser perceptível - Evite pensar que o facto de colocar links seja suficiente para levar tráfego para o seu website ou loja, pois se não colocar um “isco” que cative os utilizadores a saber mais eles não vão visitar o seu website ou loja online.

C) Links para todas as outras ferramentas de Comunicação Digital - O sucesso da estratégia online do empreendedor está justamente em conseguir uniformizar todas as suas ferramentas de comunicação digital. Por vezes o público que contacta com o empreendedor no Youtube é o mesmo que o contacta no Facebook, e o que o contacta na loja online será o mesmo que o contacta no Directório, ao isolar ferramentas de comunicação digital para avaliar qual a mais rentável, é um erro que só vai diminuir as possibilidades de negócio.

ERROS GRAVES A EVITAR PELO EMPREENDEDOR COM O REGISTO NOS DIRECTÓRIOS ONLINE

É importante para o negócio do empreendedor aparecer listado em Diretórios Online, é um aspecto essencial para a estratégia de Comunicação Digital das empresas. O empreendedor ao incluir sua empresa em um Diretórios Online, terá grandes benefícios, tais como, aumentar a sua visibilidade na Internet, e a possibilidade de gerar novas oportunidades de negócio. No entanto existem erros graves que o empreendedor não pode cometer:
- Manter informação errada acerca da empresa, produtos e serviços.
- Não disponibilizar contactos directos.
- Colocar pouca informação.
- Não actualizar informações durante largos períodos.
- Pensar que o registo no Directório pode efectuar vendas sem a sua activa intervenção.

Publicação do próximo artigo: 4 de Junho de 2017
" Capítulo 1 (4ª Parte - Plataformas de vendas Online )
ONDE VENDER NA INTERNET - QUE FERRAMENTAS UTILIZAR"

Fonte:
Departamento de Investigação de Tecnologias de Comunicação Digital da Windbyinternet - Comunicação e Publicidade Digital lda

Consulte-nos em http://www.windbyinternet.pt/
Envie suas duvidas para: marketing@windbyinternet.pt
ou siga o curso em : https://www.facebook.com/shoppingonline.pt/

Brasil e Portugal assinam acordo para ampliar e-commerce entre países
Parceria deve diminuir tempo médio para entrega de encomendas registradas de 40 dias úteis para 12 dias após liberação pela Alfândega. Brasil e Portugal assinaram nesta...

Metade das compras 'online' nacionais são feitas em retalhistas que operam em Portugal
Metade das compras na Internet feitas em Portugal é realizada em retalhistas que operam no mercado português e um quinto em entidades que operam na Europa, de acordo com um...

36% da população portuguesa já faz compras online
73% da população portuguesa utiliza a internet e 36% já realiza compras em canais online. A conclusão é o ‘Estudo Anual da Economia e da Sociedade Digital em Portugal”,...

Millennials em Portugal têm novos hábitos de compras online
A geração dos chamados millennials representará 47% da população ativa na Europa em 2025. Até lá, vai marcando tendências com as suas escolhas e comportamentos,...

Os portugueses estão mais disponíveis para fazer compras online
Um mundo de vantagens nas compras online. Evitar filas, poupar, escolher apenas o que quer comprar, a qualquer hora, receber as compras no conforto do lar ou na morada que...

Portugal Digital. Apenas 39% das empresas estão online
Apenas 27% das empresas nacionais efetuam negócios online, com 54% das grandes empresas já dedicadas ao e-commerce. Apenas 39% das empresas portuguesas têm presença online,...

Pagamentos mobile começam a “roubar” adeptos de cartões de crédito e débito
De acordo com o relatório “Economia da Informação 2017”, divulgado pela ONU na última segunda-feira (02), métodos de pagamento digitais alternativos — tais como...

CTT promove oferta para e-commerce com nova campanha
Os CTT colocaram no ar uma nova campanha publicitária que pretende promover a sua oferta para e-commerce. Sob o conceito ‘Homem Encomenda’ , a nova campanha pretende...

Toysrus pede insolvência - Resultando do facto de não ter apostado em vendas online
A Toys "R" Us, a gigante do retalho, que durante anos tem feito as delícias dos mais pequenos, entregou um pedido de insolvência, na sequência de uma dívida esmagadora de um...

Portugal está determinado a tributar compras online
Portugal junta-se a um grupo de Estados-membros da União Europeia que quer tributar já a economia digital. O país "estará muito ativo nestes trabalhos", garante o Governo,...

Partilhe esta página  

close Estamos a usar cookies para lhe dar a melhor experiência em nosso site. Ao continuar a utilizar o nosso website concorda com a nossa utilização de cookies.
Para mais informações leia a nossa Politica de Privacidade

top